MOSTEIRO DO ELEFANTE

MOSTEIRO DO ELEFANTE

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

WAT BAN YA PHRAEK

SAMUT SAKHORN  - WAT BAN YA PHRAEK

O articulista defronte do mosteiro e junto a uma exótica placa de rua, é de salientar que este local chamado Phra Pradaeng, uma zona de pescadores

O mosteiro em sim, mas estava encerrado, havia sim vários pavilhões com muitas imagens e um deles estava repleto de fiéis birmaneses, que ali almoçavam


Uma imagem do deus erawan, bizarra diga-se de passagem, segundo os costumes os fiés para se purificarem devem passar por debaixo da barriga do elefante










                                    O monge superior do mosteiro, abençoando alguns fiéis

                      Vários fiéis, provavelmente de origem birmanesa, orando


                    Imagens de monges famosos nas quais lhe é coladas folhas de ouro


                     Um dos altares, neste pavilhão, não templo, pois o mesmo estava encerrado


Muitas eram as figuras como esta, bem vestida com um tocador ao lado e imensos vestidos, tudo oferta dos fiéis


                      Vestidos ofertados aos deuses, em agradecimento pelo desejos realizados




                                                   A esposa do articulista orando


                                        Uma outra zona do pavilhão mosteiro.

As filhas do articulista ficaram na viatura, e como em quase todos os mosteiros que visitamos elas ficaram igualmente na viatura.

Eram quase 15.30 horas, e pensando onde iriamos almoçar e a pedido da filha Sansanne regressamos à cidade e fomos almoçar no mesmo restaurante do dia anterior.





As ruas desta pequena vila, apresentava à porta de seus moradores este vasos bem giros, em forma de barco


Uma da estrada da aldeia com seus candeeiros em forma de barco




Encontramos esta placa indicativa de vários mosteiros, mosteiros esses já por nós visitados anteriormente


Seguimos para Mahachai não parando mais a não ser no resturante já a barriga estava a dar horas

Sem comentários:

Enviar um comentário